Inicio » Incesto » Contos de incesto verdadeiros – Comendo a irmã de criação

Contos de incesto verdadeiros – Comendo a irmã de criação

  • 30 de outubro de 2018
  • 19.105 views views

Contos de incesto reais

Contos de incesto verdadeiros onde safado narra como acabou fazendo sexo com a irmã de criação que é uma gostosa cheia de tesão.

Olá pessoal me chamo Henrique tenho 28 anos de idade e irei relatar algo que aconteceu comigo e minha irmã de criação Cíntia. Adoro ler contos de incesto e por isso irei compartilhar o meu com vocês.Na minha família somos 4 irmãos homens e acabou que meus pais acabaram adotando uma garota. Sempre nos damos muito bem, eu meus dois irmãos de sangue e nossa irmã de criação. Desde mais novos sempre nos damos bem e conforme os anos se passaram minha irmã ficou deliciosa.

Com 18 anos a gostosa estava com tudo em cima. Loira gata, peitos naturais lindos, bunda empinadinha, boceta lisinha, magra gostosa e aquela cara de safada. Minha maninha é realmente uma delícia de ninfeta sempre provocante e gostosa.

Sendo o filho mais velho eu acabava cuidando de casa quando meus pais trabalhavam. Quando minha irmã fez 18 anos notei que ela passou a me dar bola. Sempre que a gente ficava sozinhos em casa ela me provocava. Meus dois irmãos estudavam no período da manhã e ela a tarde. Com isso a gente ficava sozinhos em casa durante toda parte das manhãs.

Um dia eu ainda estava dormindo quando escutei barulhos vindo do banheiro. Me levantei e fui ver o que era, quando cheguei na porta vi que era minha irmã. A porta tinha um buraquinho que dava pra ver tudo la dentro. Curioso demais acabei vendo minha irmãzinha se masturbando com a mangueira do chuveiro.

A safada ali totalmente nua com as pernas bem abertas com jatos da água mirados pra sua buceta. E por sinal que boceta linda amigo. A safada tem a buceta rosadinha toda raspadinha que vive pegando fogo. Ali com as pernas abertas se masturbando de tesão a gostosa me deixava louco. Fiquei ali na porta vendo a cena por uns dez minutos até que me afastei. Com medo de ser notado acabei saindo de fininho do local.

Quando ela saiu do banheiro ela foi direto para seu quarto. Fiz barulho para ela notar que acordei e logo tive minha grande surpresa. A safada veio apenas de toalha até meu quarto e me pediu para colocar um colar nela. Aquele corpo ainda molhado, seu cheiro e todo seu corpo acabou me deixando de pau duro.

Foi inevitável e claro que a safada percebeu meu cacete duro:

– Nossa Arthur isso tudo é emoção?

Tentei disfarçar porém minha irmão me surpreendeu mais uma vez! A safada tirou a toalha e logo disse:

– Ele está assim por causa de min?

– Me deixa ver ele?

Antes que eu respondesse algo a safada foi logo segurando meu pau. Com força e tesão a safada agarrou bem meu cacete e já começou a chupa-lo.

Fiquei sem reação porém confesso que eu desejava aquilo a muito tempo. A vadia chupava me olhando com cara de puta. Sempre chupando gostoso a tarada se revezava entre chupar e lamber todo meu caralho. Ela cuspia, mamava gostoso e sempre com tesão real e gostoso. Depois de ficar uns 10 minutos me chupando a sacana deitou no chão abriu bem as pernas e disse:

– Me chupa vai, me chupa gostoso maninho!

Não resisti e cai de boca naquela xoxota rosadinha a chupando toda. Comecei passando a língua debaixo pra cima a deixando bem babadinha. Louco de tesão dei um trato gostoso naquela bucetinha sempre chupando bem seu clitóris. Mamei gostoso em todo aquele grelo tesudo da sacana. Logo depois passei a chupar os peitos dela e assim fiquei revezando entre a bucetinha e seus seios. Aqueles peitos gostosos e boceta molhada me deixaram maluco de tesão.

Ficamos nisso por uns 15 minutos só comigo chupando a gostosa dos pés a cabeça. Parece que todo aquele desejo que eu tinha dentro de min saiu pra fora naquela hora. Nos chupamos com tanto tesão que parecíamos um casal de namorados apaixonados. Louco de desejo e sem pensar mais em nada eu só queria fode aquela boceta quente.

Coloquei a vagabunda de ladinho e comecei a esfregar meu cacete na portinha da buceta. Sua xoxota estava quente e meladinha o que fazia meu cacete deslizar facilmente. Depois de provocar bastante decidi então socar gostoso naquela xota linda. Coloquei a cabecinha do cacete e fui forçando devagar até entrar tudo bem gostoso.

Com caralho atolado na xana da minha irmã eu comecei então a bombar gostoso. Segurando seus peitos e respirando perto dos ouvidos da vadia eu fui então metendo em sua bocetinha. A cada metida minha irmã gemia mais alto e gostoso. Fodemos em várias posições sempre com a vagabunda gemendo alto de prazer.

Eu já não me aguentava mais e sabia que estava próximo de meus irmãos chegarem da escola. Passei a meter mais forte na bunda da minha puta e anunciei a gozada. Falei pra ela que queria gozar em seu rostinho de puta. A vagabunda porém pediu pra que eu lambuzasse seus peitos de porra quente. Nem pensei duas vezes e meti com tesão até que não me segurei e enchi seus peitos com todo meu esperma. Dei um banho de porra quente na gostosa.

Eu estava louco de tesão, minha irmã também mostrava estar com prazer depois daquela nossa primeira foda. Desse dia em diante nos tornamos amantes dentro de casa. Nossas transas ainda vão render vários contos de incesto verdadeiros para todos. Caso a galera curta esse meu primeiro conto erótico em breve compartilharei mais. Enfim pra quem curte contos de incesto, comentem pois isso fará com que eu relate como foi nosso primeiro sexo anal.

Contos relacionados

Comentários

1 comentário para “Contos de incesto verdadeiros – Comendo a irmã de criação

  1. Idailton • 26 de janeiro de 2019

    TesãO puro, gostoso demais esse conto

Deixe seu comentário

Categorias

Contos eróticos de sexo. Os melhores contos pornô da net estão aqui. Confira milhares de conto erotico sempre com relatos reais para melhor agradar a todos. Todos os dias selecionamos e compartilhamos os mais diversos contos eróticos ilustrados pra galera. Navegue por todas nossas categorias e escolha um tema de sua preferência e desfrute de nosso conteúdo. Buscamos sempre pelos melhores contos reais para que assim nossos usuários não percam nenhuma novidade. Enfim seja bem vindo em nosso site de contos de sexo que trás sempre algo novo a todos.
© 2019 - Contos Eroticos De Sexo – Contos Porno – Contos De Sexo – Contos Ilustrados